Domingo, 16 de Setembro de 2007

Contigo ou sem ti..

kazuo Okubo.jpg

E é aqi envolvida , nestes lençois gelados acabados de lavar sem o teu cheiro, qe te desejo tão desezperadamente .

É aqi qe as minhas unhas se cravam qando se lembram da tua pele .. Bebo mais do qe o normal tentando ficar dormente, tentando despertar em mim os instintos mais demoniacos, mais satanicos e libertos de qqr moral implantada, de qqr moral exigida.

Sinto-te aqi, a preencher-me, a vasculhar-me como se nao passasse de um lixo. Adoro qdo me tratas assim. Qdo me fazes sentir um pedaço de nada mas mesmo sendo isso, tu gostas.

Sinto as tuas mãos como cobras a envolverem-me ...  Os teus beijos como penas a adorarem-me.

Nao pedes licença e fazes-te aparecer sem te identificares. Gozas de mim o mais qe podes, tiras-me tudo e dás-me o dobro.

Acompanhando os teus movimentos gemo de dor e de excitaçao.

Grito o teu nome e sei qe me escutas, qe me respondes e qe sabes qe gosto assim, à bruta. Vais mais forte qe nunca e eu chego lá. Alcanço aqilo de qe todos falam, aqela coiza mistica já tornada inacansável, mas eu mesmo assim sozinha e acompanhada alcancei sem qqr dificuldade.

Sinto o sangue a pulsar, a respiraçao ofegante, o pudor a dissipar-se...

O descanso, a tranquilidade, o sono...

E é assim qe adormeço exausta para amnha acordar com a esperança de qe na proxima noite te tenha mesmo...

Acordo na rotina de sempre... mais um dia de aulas ... sem qqr fantasia, sem qqr calor...

@

sinto-me: desejo, fantasia, beijos, maos

publicado por Leticia às 18:26
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Katy * a 19 de Setembro de 2007 às 20:58
Olá, apresento-vos a Barros.
Texto completamente caracteristico.
Amo-te tanto assim .
E os dias de aulas nao sao assim tao maus pk a tarde inda podes dar-me um beijinhos e dar-me aqeles cnselhos qe só tu das!
És diferente, és essencial...
És tudo . E pode ser qe o tenhas cmo deve ser !xD
@


De AnaBaru a 1 de Novembro de 2007 às 11:34
"E é aqi envolvida , nestes lençois gelados acabados de lavar sem o teu cheiro, qe te desejo tão desezperadamente ." - Mesmo depois de lavados o cheiro acaba por perdurar nos teus lençois... Se não sentes o seu cheiro... foi porque nem nunca se cheirou... apenas está no teu corpo e na tua cabeça...

"É aqi qe as minhas unhas se cravam qando se lembram da tua pele... Bebo mais do qe o normal tentando ficar dormente, tentando despertar em mim os instintos mais demoniacos, mais satanicos e libertos de qqr moral implantada, de qqr moral exigida." -

"Sinto-te aqi, a preencher-me, a vasculhar-me como se nao passasse de um lixo. Adoro qdo me tratas assim. Qdo me fazes sentir um pedaço de nada mas mesmo sendo isso, tu gostas." - Se te faz sentir um lixo e um pedaço de nada... porque te sujeitas a isso? Valerá a pena? Às vezes quando nos deixamos ser usadas sabe bem.... mas mais tarde... acabamos sempre por nos sentir mal... sentirmo-nos mal connosco proprias... sentirmo-nos... USADAS! Não te sujeites a isso... por muito que possa ser bom... no final é sempre a mesma que acaba por sofrer...

"Sinto as tuas mãos como cobras a envolverem-me ... Os teus beijos como penas a
adorarem-me." - Se sentes isso... é porque realmente o amas... será que ele sente o mesmo? Será que vale a pena continuares a alimentar um sentimento que vai ser perdido? ...

"Nao pedes licença e fazes-te aparecer sem te identificares. Gozas de mim o mais qe podes, tiras-me tudo e dás-me o dobro. " - Lá está... o uso...

"Acompanhando os teus movimentos gemo de dor e de excitaçao." - Não te podes deixar levar por um sentimento assim...

"Grito o teu nome e sei qe me escutas, qe me respondes e qe sabes qe gosto assim, à bruta. Vais mais forte qe nunca e eu chego lá. Alcanço aqilo de qe todos falam, aqela coiza mistica já tornada inacansável, mas eu mesmo assim sozinha e acompanhada alcancei sem qqr dificuldade." - Gritas o seu nome... e será que ele te escuta a ti? Será que é mesmo a ti? Ou é... àquilo que ele quer?

"Sinto o sangue a pulsar, a respiraçao ofegante, o pudor a dissipar-se..." - Esse sangue a pulsar, a respiraçao ofegante e o pudor a dissipar-se... é aquilo que tu fazes libertar... Em ti! E só em ti!

"O descanso, a tranquilidade, o sono... " - Depois... do momento... é assim que te sentes... mas passado algum tempo... perguntas-te 'porquê?'...

"E é assim qe adormeço exausta para amnha acordar com a esperança de qe na proxima noite te tenha mesmo..." - E é assim que se acaba sempre... e no mais profundo dos teus sonos... Sonhas que no dia a seguir volte a acontecer... e talvez volte a acontecer... mas... não está certo!

"Acordo na rotina de sempre... mais um dia de aulas ... sem qqr fantasia, sem qqr calor..."

@

Linda... Não fiques agarrada a um sentimento que sabes que não tem futuro a não ser apenas por prazer próprio!
Vive cada momento como se fosse... TEU... VOSSO... e não só DELE...

Beijinhos... (falei sem saber o que estava a falar... )


Comentar post

.A Wendy :)


. ver perfil

. seguir perfil

. 19 seguidores

.pesquisar

 

.Outubro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.Posts recentes

. Fim de mim.

. Tu não tens noção !

. Um desabafo

. A nossa oportunidade 7/11...

. Saudade

. 21-07-09 :D

. Amanhã vais ..

. Oh yes. Just fuck me !

. !

. Gravidez (?)

. Prazer

. Amor

. Agora mando eu .l.

. @$&(*&^%\]

. # só eu

.Arquivos

. Outubro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

.Favoritos

. Última Deixa.

. Diário...01/06/07

SAPO Blogs

.subscrever feeds